Terra de Marlboro: 23,5% dos tiroteios registrados no Grande Rio em 2018 ocorreram na Baixada

Em 2018, o laboratório de dados Fogo Cruzado registrou 2.273 tiroteios/disparos de armas de fogo na Baixada Fluminense, região que abrange os municípios de Belford Roxo, Duque de Caxias, Guapimirim, Itaguaí, Japeri, Magé, Mesquita, Nilópolis, Nova Iguaçu, Paracambi, Queimados, São João de Meriti e Seropédica. 814 pessoas foram baleadas na região. Destas, 558 morreram.

As cidades que registraram mais tiroteios/disparos de arma de fogo foram Belford Roxo (734), Duque de Caxias (427), Nova Iguaçu (347), São João de Meriti (209) e Mesquita (110).

As cidades que registraram mais pessoas mortas por disparos de arma de fogo foram Nova Iguaçu (142), Belford Roxo (122), Duque de Caxias (77), Queimados (55) e São João de Meriti (32). Do total de baleados na Baixada, 43 foram vítimas de bala perdida, das quais 11 morreram.

                         Crianças se abrigando em terreno durante tiroteio no bairro Santa Teresa, em Belford Roxo.                                         Reprodução: Destaque da Baixada

 

Agentes baleados na Baixada

A região teve também um alto índice de agentes de segurança pública baleados. Ao todo, 83 agentes de segurança foram feridos, destes, 40 morreram. As cidades que lideraram o ranking de agentes mortos foram Duque de Caxias (11), Belford Roxo (7), Nova Iguaçu (7), São João de Meriti (6) e Queimados (4). No total geral do Grande Rio, a capital lidera, com 58 mortos.

Clique aqui e acesse o relatório com dados completos sobre 2018.

Deixe um Comentário





três + dezessete =