Em um ano de vigência da ADPF das Favelas, indicadores de violência armada caíram, mas padrão de violência policial não mudou Em um ano de ADPF 635, tiroteios caíram 23% em relação ao período anterior à vigência da medida. O número de pessoas baleadas caiu ainda mais: 26%. Por um lado, a medida do STF…

Leia Mais

77% dos tiroteios em ações policiais na região resultaram em vítimas Desde que a ADPF 635 entrou em vigor, em 5 de junho de 2020, pouco se sentiu seus efeitos na Baixada Fluminense. Em 24% dos mais de 1.000 tiroteios ocorridos na região havia a presença de agentes públicos de segurança. E em 28% deles,…

Leia Mais

Hoje o Fogo Cruzado participou da Audiência Pública sobre letalidade policial no Rio de Janeiro. A audiência foi convocada no âmbito da Arguição de Descumprimento de Preceito Fundamental (ADPF) 635, por meio da qual serão coletadas informações que vão subsidiar o Estado do Rio de Janeiro na elaboração do plano de redução da letalidade policial.…

Leia Mais

Em 10 meses da ADPF das Favelas, apesar da queda na violência armada, presença de agentes em tiroteios ainda é alta O Instituto Fogo Cruzado participa, no dia 19 de abril, da audiência pública convocada pelo Supremo Tribunal Federal para discutir estratégias de redução da letalidade policial no estado do Rio de Janeiro.  A Audiência,…

Leia Mais