Número total de mortos se manteve (77), mas o de feridos diminuiu 39% este mês

Em agosto, o laboratório de dados sobre violência armada Fogo Cruzado registrou 93 tiroteios/disparos de arma de fogo na região metropolitana do Recife. Ao todo, 77 pessoas morreram – entre elas 8 adolescentes – e 22 ficaram feridas. Na comparação com 2018 (111), agosto registrou uma queda de 16% no número de tiroteios/disparos de arma de fogo. O número de mortos, no entanto, foi o mesmo nos dois anos: 77.

Veja mais alguns detalhes sobre a violência armada no Grande Recife em agosto:

  • O município de Recife concentrou o maior número de tiroteios/disparos de arma de fogo no Grande Recife este mês, foram 41 registros no total, seguido de Olinda (14), Jaboatão dos Guararapes (11), Cabo de Santo Agostinho (7) e Igarassu (4). 
  • Em comparação com o mesmo período do ano passado (77), agosto permaneceu com o mesmo número de mortos (77). Já o número de feridos diminuiu 39%: foram 22 em agosto deste ano, contra 36 no ano anterior.
  • Nova Descoberta liderou o ranking de bairros do Grande Recife com o maior número de tiroteios/disparos de arma de fogo em agosto: foram 4 no total. Em seguida vem Barro (4), Peixinhos (3), Prazeres (3) e Cohab (3).
  • Do total de tiroteios/disparos (93): 78,49% resultaram em vítimas fatais (73), 21,51% em feridos (20) e em 4,30% dos casos (4) não houve notificação de baleados.
  • Do total de mortos (77), 90,91% eram homens (70). Do total de feridos (22), 90,91% eram homens (20) e 9,09% mulheres (2) .
  • Em agosto, 14 pessoas foram baleadas dentro de residências na região metropolitana do Recife: 12 morreram (9 homens e 3 mulheres). Entre os casos está um menino de 2 anos e seu padrasto, que foram mortos ao ter sua casa invadida no dia 10 de agosto, no município de Itamaracá.
  • Em agosto, houve 4 casos de homicídios múltiplos na região metropolitana do Recife: ao todo, 8 pessoas foram mortas (6 homens e 2 mulheres).
  • 8 adolescentes (12 anos até 18 anos incompletos) e 2 crianças (até 12  anos incompletos) foram baleados em agosto na Região Metropolitana do Recife – todos morreram.
  • Este mês, 1 pessoa foi vítima de bala perdida no Grande Recife. O auxiliar de pedreiro de 27 anos, estava conversando com amigos quando foi atingido nas costas, no bairro Alto Jardim Conquista, em Olinda, no dia 17 de agosto.


Deixe um Comentário





três + 5 =